PROPAGANDA

Igor, o destaque da decisão entre Iguaçu e Trieste

A alegria tomou conta do camisa 9 após os dois gols marcados (Foto: Dudu Nobre)
No último sábado (9) Iguaçu e Trieste se enfrentaram pelo terceiro confronto da decisão da Divisão Especial da Suburbana 2017. Precisando da vitória, o alvinegro italiano foi mais ofensivo que o tricolor durante os noventa minutos. Na segunda etapa, o técnico Juninho tirou Alex Pinhais e colocou o predestinado Igor, que fez os dois gols do título do alvinegro de Santa Felicidade e se tornou a septuagésima (70°) e última figurinha do DRAP em 2017.

#FIGURINHA DO JOGO

O Iguaçu teve mais volume de jogo durante todo o primeiro tempo, mas faltava um centroavante para empurrar a bola para as redes. Alex Pinhais não fazia uma grande partida e o técnico Juninho o trocou por Igor aos 18 minutos da segunda etapa.

Quatro minutos depois de entrar em campo, Igor recebeu lançamento de Léo Gago (outro jogador que entrou após o intervalo), driblou o xará zagueiro do Trieste e tocou na saída de Rodrigão, 1 a 0 para o Iguaçu graças a estrela do atacante. Na euforia da comemoração, o jogador olhou pra torcida e disse: “Eu sou o cara!”. E ele estava certo, pois o destino separava mais um presente a ele na terceira partida da final.

Com o gol, o Trieste precisou sair mais para o jogo, deixando a dupla de zaga desprotegida. Aos 33’, Luisinho Netto cruzou da direita e Igor apareceu solitário na área para estufar as redes conforme o manual do camisa 9 – número que usa mesmo no banco de reservas.

Graças aos dois gols do atacante, o Iguaçu conquistou o décimo título suburbano de sua existência e Igor deixa seu nome marcado em definitivo na história do Futebol Amador de Curitiba.
__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO
Tecnologia do Blogger.