[Sub-23] Furacão se despede do Brasileirão de Aspirantes com derrota para o xará mineiro

Foto: Gabriel Sawaf/Do Rico ao Pobre
Durante a noite de hoje (12), o furacão encontrou o galo mineiro pela 4ª rodada do grupo B pelo Brasileiro de Aspirantes de futebol, na Arena da Baixada. O Galo marcou o gol aos 24’ do segundo tempo em uma cobrança de falta com um chute rasteiro de Thalis

# SUB-23

PRÉ-JOGO - O Atlético Mineiro é o segundo colocado na competição, com apenas dois jogos disputados, venceu os dois e tem 100% de aproveitamento. Em sua última partida bateu o Grêmio por 5x4, em Nova Serrana, Minas Gerais. O Atlético Paranaense é o lanterna do grupo B, com um empate e duas derrotas, e perdeu por 2x1 para o Botafogo na última rodada, no Rio de Janeiro, no estádio Nilton Santos.

PRIMEIRO TEMPO – Um jogo de equilíbrio durante os 45 minutos iniciais de jogo.  O goleiro do furacão, Lucas Macanhan fez três ou quatro defesas importantes. A primeira etapa pode ser dividida em três partes, 15 minutos iniciais foram do Galo, 15 minutos do Atlético Paranaense. A arbitragem cometia erros em jogadas de impedimento.   

O Galo mineiro começou melhor nos minutos iniciais e chegou com perigo, aos 10, após cobrança de escanteio de falta pela direita, Leonan bateu de primeira e Macanhan fez uma ótima defesa.

O Rubro-Negro respondeu aos 15’, em uma bola parada. Guilherme levantou na área, e Kaio bateu no alto de primeira, Michael se esticou e mandou pra escanteio. Nesse momento o furacão conseguiu sair para o jogo, pois anteriormente estava sendo neutralizado no meio-campo.

O Alvinegro fez uma jogada ensaiada em uma bola parada. O atleta do Galo rolou a bola para Thalis, que chutou alto e forte, porém Macanhan espalmou para escanteio. Já eram 22 minutos de jogo.

O time alvinegro ainda teve uma última oportunidade no fim da primeira etapa, com Elder que bateu firme, porém Macanhan encaixou.

Partida foi muito pegada na primeira etapa (Foto: Gabriel Sawaf/Do Rico ao Pobre)

SEGUNDO TEMPO – Ocorreu um jogo aberto. O Rubro-negro teve um gol anulado aos 15’. Entretanto quem marcou foi a equipe mineira, em uma bola parada.

Aos 7’, O Galo arriscou de fora da área, Macanhan, só assustou o goleiro paranaense. Três minutos depois, Thalis entrou sozinho, e Macanhan cresceu pra cima do meia mineiro, e salvou a equipe paranaense. Aos 15’, a equipe paranaense teve um gol anulado pelo árbitro José Mendonça, foi marcado um impedimento.

Os visitantes abriram o placar aos 23’, Thalis bateu uma falta com chute rasteiro e fraco, a bola passou pela barreira e por Macanhan. A pelota foi no mesmo canto em que o arqueiro paranaense defendia. 1x0 para o Galo.  

A equipe mineira por pouco não aumentou o placar. Leonan cobrou escanteio e Elder cabeceou, o goleiro paranaense defendeu a queima roupa, aos 38’. O Furacão responder mas naõ conseguiu levar perigo ao gol de Michael.  

A equipe rubro-negra está eliminada da competição. Já o Galo mineiro garantiu a classificação para a próxima fase do campeonato de aspirantes.

Furacão marcou antes, mas teve seu gol anulado, o que gerou muita reclamação rubro negra (Foto: Gabriel Sawaf/Do Rico ao Pobre)
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

ATLÉTICO PARANAENSE: 1 Macanhan; 2 Leonardo Simas (13 Marcos), 3 Jacy; 4 Weverton e 6 Renan Lodi; 5 Estefano; 7 Vitor Naum, 8 Guilherme (17 Julio); 9 Bruno Rafael 10 Demethryus e 11 Kaio Felipe (16 Thiago)
Técnico: Tiago Nunes

ATLÉTICO MINEIRO: 1 Michael; 2 Adson; 3 Rodrigo (13 Leonardo)4 Jesiel, 6 Leonan;5 Ralph; 8 Thalis e 10 Marcos Vinicius (18 Matheus Jesus); 7 Guilherme 9 Elder e 11 Diego (14 Mateus) Técnico: Caio Zanardi

FICHA TÉCNICA ATLÉTICO PARANAENSE 0 X 1 ATLÉTICO MINEIRO XXXXXXXX

GOLS: Thalis aos 24” do 2º tempo (ATL MG);
CA: Ralph, Leonan e Thalis (ATLMG),  Guilherme (ATL PR)  

Público: 90 torcedores