São Joseense vence o REC por 1 a 0 e sagra-se campeão invicto da Terceirona

São Joseense conquista o primeiro título de sua história ao vencer o REC por 1 a 0
(Foto: Arthur Henrique)
A equipe de São José dos Pinhais repetiu no Pinhão o resultado da ida, e conquistou o título da Terceirona, o primeiro troféu de sua história de maneira invicta. Em um jogo truncado e de poucos lances de perigo, o camisa 10 Lucy definiu ainda no primeiro tempo o resultado favorável do São Joseense sobre o Rolândia. 

#TERCEIRONA
Por Yuri Casari

Pré-jogo: Após vencer o Rolândia fora de casa por 1 a 0, o São Joseense poderia até empatar na volta no Estádio do Pinhão que sairia com o título. Depois de conquistar o acesso em seu segundo ano do profissional, o objetivo agora era levantar o primeiro troféu de sua existência. O São Joseense chegou na última partida como único invicto, e com a melhor defesa do campeonato, com apenas 4 gols sofridos. Já o Rolândia, que sofreu a primeira derrota na ida, apostaria no melhor ataque, com 28 gols marcados.

Primeiro tempo: Com a tranquilidade do resultado construído na ida e com o fato de estar jogando sob seus domínios, o São Joseense começou a partida levemente melhor, e foi quem construiu a primeira grande oportunidade, com o artilheiro Robinho, que recebeu de frente para o goleiro, mas demorou a arrematar. No chute travado pelo goleiro, a bola ainda quase entrou, batendo no travessão. A resposta do Rolândia veio aos 10 minutos, em chute de fora da área de Tharles, que Juninho espalmou para escanteio.

A tensão da final ficou evidente em alguns lances ríspidos. Em poucos minutos, três jogadores foram amarelados. O jogo ficou bastante amarrado, com leve domínio do São Joseense. Mas aos 37 minutos, a equipe da casa chegou ao gol. Evertinho esperou a hora certa para soltar a bola para Willian pelo lado direito da grande área. O camisa 11 cruzou para o meio e Lucy completou para a rede.

Agora precisando virar a partida, o REC finalmente conseguiu criar jogadas de ataque, mas o lance mais perigoso foi na bola parada. Aos 43, Spice bateu forte e Juninho defendeu de manchete.

Lucy marcou o gol da vitória do São Joseense sobre o REC (Foto: Arthur Henrique).
Segundo tempo: Na volta do intervalo, o REC melhorou na partida e quase chegou ao empate ainda na primeira metade do segundo tempo. Aos 7 minutos, Bruninho arriscou o chute de muito longe, a bola se encaminhou para o ângulo direito de Juninho, que se esticou todo e mandou para escanteio praticando uma defesa milagrosa. Aos 13, Juninho repetiu o milagre e fez ótima defesa em chute de Tharles, da entrada da área.

Com o título praticamente na mão, o São Joseense não se expôs mais e esperou o ataque do Rolândia, que não conseguia encontrar espaços. O São Joseense ainda quase marcou um segundo gol com o artilheiro Robinho, primeiro aos 28, em chute cruzado de canhota, e depois aos 34, em belíssimo lance que o atacante driblou todo mundo e só parou no goleiro Julio César. Com o cronômetro aos 48, o árbitro apitou o fim da partida, e enfim o São Joseense pôde comemorar o primeiro título de sua história.

No segundo tempo, o São Joseense apenas viu o tempo passar antes de comemorar o título da Terceirona (Foto: Arthur Henrique). 
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

São Joseense: 1. Juninho, 2. Lucas Marques (15. Evandro), 3. Caio, 4. João Antônio e 6. Wesley(13. Marcelo); 5. Camargo, 8. Willyan Sotto, 7. Evertinho (19 Ardley) e 10. Lucy; 9. Robinho e 11. Willian. T: Ageu.

REC: 1. Julio Cesar, 2. Leandro (11. Michel), 22. Spice, 4. João Pedro e 6. Weslen; 24. Alemão, 7. Rhuan, 5. Bruninho (13. Tete) e 8. Douglas (17 Paulinho); 9. Vieira e 10. Tharles. T: Rubens Sanches.

FICHA TÉCNICA - INDEPENDENTE 1 X REC XXXXXXXXXXXXXXXX

Arbitragem: Selmo Pedro dos Anjos Neto
Assistentes: Danilo Padilha Porse e Ryan Chubter Ribeiro.
Gol: Lucy, aos 37 do 1º tempo.
Cartões amarelos: Lucas Marques, Robinho, Sotto e Camargo (SJO); Spice, Bruninho e Rhuan.

__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO