Santíssima Trindade perde para o Fortaleza por 1 a 0, mas é campeão da Série B da Suburbana

O capitão Queen levanta a taça coberta por uma camisa em homenagem a Rodolfo, camisa 10 da equipe que faleceu em um acidente de trabalho (Foto: Dudu Nobre)
No estádio Antônio Monteiro Sobrinho, o Fortaleza fez valer a força do mando de campo e venceu a segunda partida da final por 1 a 0. Porém, o resultado era suficiente para a copeira equipe do Santíssima Trindade, que com a vantagem construída na ida conquistou o título da segunda divisão amadora de Curitiba.

#SérieB
Por Yuri Casari

Pré-jogo: O Santíssima Trindade havia vencido a primeira partida por 2 a 0 e tinha uma boa vantagem para a volta. O Fortaleza queria manter os 100% de aproveitamento em casa e precisava vencer por três gols de diferença para levar a taça de maneira direta. A equipe do Fortaleza foi recepcionada por uma grande festa da Torcida Jovem Forta.

Primeiro tempo:  Apesar da pressão do "morrão", o Trindade não se intimidou e foi logo buscando o ataque. Aos 7, Tupão bateu falta perigosa por cima da meta de Valderson. No minuto seguinte, Batoré fez boa jogada e serviu Giovane, que chutou muito forte e a bola subiu demais. Mas o Fortaleza tratou logo de mostrar o porquê possui uma campanha impecável em seus domínios. Aos 11 minutos, Wuallyson recebe pela esquerda e bate rasteiro, abrindo o placar e dando muita esperança para a torcida tricolor.

O Fortaleza passou a dominar a posse de bola após o gol, mas tinha dificuldades de furar o bloqueio adversário. Aos 27, o jeito foi arriscar de fora da área. Manfron bateu muito bem na bola, mas Paulo fez grande defesa, mandando a bola para escanteio. Aos 39, outra boa chance do Forta. Neguinho cabeceou por cima do gol após cobrança de escanteio. Dois minutos depois, Cafu perdeu a chance de igualar o placar agregado chutando pra fora depois de ganhar disputa pelo alto. E foi com o Tricolor do Jardim Gabineto na pressão que o primeiro tempo chegou ao final.


Wuallyson prepara o chute que colocou o Fortaleza na frente do placar (Foto: Dudu Nobre).
Segundo tempo: A segunda etapa começou da mesma forma que o primeiro. Com o Trindade tentando buscar o ataque. Aos dois minutos, Giovane chutou forte, Valderson fez a defesa e Neguinho afastou o perigo. Mas novamente a pressão do visitante durou pouco e o Fortaleza voltou a mandar no jogo. Porém, sem a mesma calma dos primeiros 45 minutos. Os meias tricolores prendiam demais a bola e eram facilmente desarmados pela forte marcação do Trindade.

A ansiedade pelo segundo gol foi tomando conta de todo o time do Fortaleza, que só voltou a trazer real perigo para a defesa do Trindade já na casa dos 40 minutos, na base do abafa. Aos 41, Geovane arriscou um chute venenoso e Paulo sofreu para mandar pra escanteio. Dois minutos depois, o camisa 10 do Forta dá um voleio sensacional e a bola passa muito perto. Na tentativa de ir para o tudo ou nada o Trindade ainda quase conseguiu marcar com Giovane, mas Valderson fez a defesa. Mas não dava tempo para mais nada, e o Trindade pôde fazer a festa pelo título na casa do adversário, assim como nas duas fases anteriores, em que fez o resultado em casa e segurou a vantagem fora. Santíssima Trindade campeão da Série B da Suburbana e com vaga garantida na Taça Paraná 2018.


Santíssima Trindade, campeão da Série B da Suburbana 2017 (foto: Dudu Nobre).

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

FORTALEZA: 12 Valderson, 2 Piwi, 3 Neguinho, 4 Marcão e 6 Thiago; 5 Xiru, 7 Manfron (17 Michael), 8 Roberto (16 Pedro) e 10 Geovane; 9 Cafu e 11 Wuallyson. Téc. Vilmar Assunção.

SANTÍSSIMA TRINDADE: 1 Paulo; 2 Baiano, 15 Anderson (24 Folha), 4 Queen e 6 Juliano; 5 Marcão, 7 Marlon, 8 Tom e 10 Tupã (27 Lelo); 9 Geovane e 11 Batoré (16 Luiz Fernando). Téc. Dinei.

FICHA TÉCNICA – FORTALEZA 1x0 SANTÍSSIMA TRINDADE
ARBITRAGEM: Robson Toloczko Coutinho.
ASSISTENTES: Eduardo Luiz Teixeira Furiatti e Ryan Chubter Ribeiro.
GOL: Wuallyson, aos 11 do 1º tempo.
AMARELOS: Paulo (TRI); Piwi (FOR).