[JUVENIL] Em jogo de 7 gols, Vila Sandra vence o Pilarzinho no tempo normal e conquista a classificação para a final nas penalidades

Contra todos os prognósticos, o Vila Sandra alcançou a finalíssima da Suburbana na categoria Juvenil (foto: Yuri Casari).
Depois de ter perdido por 1 a 0 no jogo de ida, o Vila Sandra correu atrás do prejuízo e conquistou a vitória que levou a partida para os pênaltis. Em jogo movimentado, a equipe alvinegra venceu o Pilarzinho por 4 a 3. Nas penalidades, Alex foi o herói, defendendo duas cobranças e colocando o Vila Sandra na final do Juvenil contra o Trieste.

#Juvenil
Por Lucas Ravel

Pré-jogo: Nesta chave da semifinal, duas equipes que iniciaram a competição desacreditadas, e que foram mostrando seu valor no decorrer da competição. Na partida de volta, o Pilarzinho tinha a vantagem do empate, e o Vila Sandra precisava vencer para levar o confronto para os pênaltis.

Primeiro tempo: A partida começou movimentada, com as duas equipes se lançando ao ataque. Logo aos 7 minutos, o primeiro gol da partida foi marcado. Patrick, do Vila Sandra, cobrou falta da direita. A zaga do Pilarzinho não afastou completamente, fazendo com que a bola sobrasse para Alexsandro no meio da área. O atacante dominou e concluiu para o fundo das redes. O Vila Sandra não pôde comemorar por muito tempo. Cinco minutos após o gol de aberturado placar, o Pilarzinho empatou a partida. Leonardo fez boa jogada pela ponta direita, cortou pro meio e bateu no canto, sem chances para o goleiro Alex.

A partida seguiu intensa e as duas equipes se destacavam ofensivamente. Patrick, do Vila Sandra, eram quem comandava o meio de campo e sempre cobrava as bolas paradas com perigo, como aos 13 minutos, em cobrança de falta da entrada da área, mas a bola foi por cima do gol. O técnico Elizeu Duarte orientava sua equipe para priorizar o toque de bola e após boa troca de passes, aos 20, Leonardo Gasparin arriscou de fora da área, no meio do gol, para defesa tranquila de Alex. O Vila Sandra respondeu aos 21 minutos. Patrick chutou da intermediária, no canto esquerdo, exigindo boa defesa de Daniel.

O Vila Sandra, precisando do resultado positivo, se lançou mais ao ataque, especialmente em jogadas pelas laterais. O gol da equipe alvinegra parecia questão de tempo. Aos 37, em boa jogada individual, Alexsandro saiu driblando pela intermediária, mas não pegou bem na bola, finalizando fraco demais. No findar da primeira etapa, aos 39, o Vila Sandra passou a frente no placar. Felipe fez boa jogada na direita e cruzou para o miolo da área. A bola encontrou Alexsandro, que dominou e finalizou no canto esquerdo e, ao contrário do lance anterior, o jogador obteve sucesso, fazendo seu segundo gol na partida.

Precisando da vitória, o Vila Sandra partiu para cima e saiu vitorioso do primeiro tempo
 (Foto: Yuri Casari).
Segundo tempo: Um dos pontos fortes do Vila Sandra eram as bolas paradas e foi assim que a equipe alvinegra chegou ao terceiro gol logo aos dois minutos da segunda etapa. Patrick cobrou falta e Gustavo estava livre na área apenas para cabecear para a meta. O Operário Pilarzinho entrou no segundo tempo desligado e um minuto após ter tomado o terceiro, Willian José fez o quarto do Vila. A jogada começou com Lucas Oliveira, que cruzou da direita. A bola passou por toda a dimensão da pequena área até chegar no lateral da equipe alvinegra que apenas completou para o fundo das redes.

Se engana quem pensa que o Operário desanimou. Aos 9 minutos, Brayan fez o segundo de sua equipe em chute da intermediária, no canto esquerdo, que Alex aceitou. O jogo era emocionante, e aos 11, Lucas fez o gol que colocou o Pilarzinho de volta na partida. Alex Teixeira avançou pela esquerda e encontrou o atacante na área que, de cabeça, diminuiu a desvantagem no placar. O Pilarzinho, animado, se lançou ao ataque para buscar o empate. Aos 14, em jogada trabalhada no meio, Jalison arriscou de longe, porém alto demais. Um minuto depois, por pouco o Operário não empatou. Após bate-rebate na área, Leonardo pegou sobra e finalizou, mas Alex saiu do gol e fez boa defesa. No rebote, Leonardo novamente concluiu mas a bola que tinha endereço certo, foi bloqueada pela defesa do Vila Sandra.

O time alvinegro se beneficiava de muitos erros da defesa do Pilarzinho. Um exemplo disso foi aos 18. Jalison se enrolou com a bola na área e Felipe, na sobra, concluiu no canto esquerdo mas Daniel fez excelente defesa. Mesmo sendo o Pilarzinho que precisava do gol para não levar a partida para os pênaltis, foi o Vila Sandra que atacou mais no final da partida. Aos 35, Patrick invadiu a área e finalizou. Daniel deu rebote pro meio e Alexsandro pegou sobra, mas foi bloqueado pela defesa. E já nos acréscimos, em falta cobrada pelo camisa 10 do Vila, Daniel saiu mal do gol e por pouco Gustavo não fez de cabeça. Com o apito final, era hora de decidir a vaga na final nas penalidades.

O time do Pilarzinho chegou a estar perdendo por 4 a 1, mas encostou no placar e quase conquistou a classificação no tempo normal (Foto: Yuri Casari).
Pênaltis: Leonardo, do Pilarzinho, foi quem abriu as cobranças e, com tranquilidade, chutou no meio do gol e fez 1 a 0. Patrick, do Vila Sandra, um dos destaques da partida, esbanjou categoria, chutando no ângulo esquerdo, sem chances para Daniel, empatando a decisão. João foi o primeiro a perder a sua cobrança. O jogador da equipe tricolor chutou no canto direito e Alex fez grande defesa. 

O próximo a cobrar foi Vinícius, mas o jogador perdeu a oportunidade de colocar a equipe alvinegra na frente quando bateu mal e Daniel defendeu. Brayan, o autor do gol no primeiro jogo da semifinal, cobrou com perfeição, no lado destro, colocando o Pilarzinho na frente mas João Victor não inventou e concluiu no meio do gol empatando a decisão. O jovem Alex teve seu momento de glória quando defendeu a cobrança de Geovane. O jogador chutou no canto esquerdo, mas o arqueiro do time alvinegro acertou o canto. 

O Vila passou a frente quando Gustavo concluiu no canto direito, deslocando Daniel. Com o 3 a 2 no placar, se Caio errasse sua cobrança, o Vila Sandra poderia comemorar a sua classificação. O jogador, em um lance de infelicidade, carimbou o travessão, colocando um ponto final na decisão e colocando o Vila na final contra o Trieste.

Alex se agigantou na decisão por pênaltis, defendeu duas cobranças e ajudou o Vila a chegar na final (Foto: Yuri Casari).
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Pilarzinho: 12- Daniel, 2- Luiz, 16- Paulo Vinícius, (3- Jalison) 4- Leonardo e 6- Alex Teixeira (15- Caio), 5- João, 7- Leonardo Gasparin (14- Jonas), 8- Brayan e 10- Leandro; 9- Geovane  e 11- Lucas. T: Elizeu Duarte.
Vila Sandra: 1- Alex, 2- Willian José, 3- João, 4- João Victor e 6- Lucas Oliveira ; 5- Alex, 7- Gustavo, 8- Vinícius e 10- Patrick; 9- Alexsandro e 11- Lucas Alves. T: Marquinhos Vieira.

FICHA TÉCNICA – PILARZINHO 3x4 VILA SANDRA (2 a 3 nos pênaltis).

Arbitragem: Yago Schonarth
Assistentes: Andrey Valenga Guimarães e Daniel Olivio Tschoke.
Cartões Amarelos: Felipe, Lucas Oliveira e Gustavo (VSA).
Gols: Alexsandro(2x), Gustavo e Willian José (Vila Sandra); Leonardo, Brayan e Lucas ( Operário Pilarzinho).