Coritiba goleia Avaí e se afasta da zona de rebaixamento

Foto: Assessoria Coritiba
Neste sábado (04) o Coritiba recebeu o Avaí no Couto Pereira, em um confronto direto na disputa contra o rebaixamento. Após a partida emocionante contra o Sport em Recife, o Coxa conseguiu dar uma vitória mais tranquila para seu torcedor, vencendo o Leão por 4 a 0, com gols de Alan Santos, Wilson (sim, o goleiro herói e agora artilheiro), Tiago Real e Jonas.  O triunfo afastou o Verdão da zona da degola e ampliou para quatro partidas a série invicta alviverde no Brasileirão.

#SÉRIE A
Por Gabriel Sawaf

PRÉ-JOGO – Mais uma decisão. Era assim o clima no Coritiba para a partida diante o Avaí. Após a vitória dramática contra o Sport, em Recife, o Coxa, que estava em 16º no começo da rodada, encarava o Leão, que vinha em 18º, com os mesmos 35 pontos que o Verdão, mas com uma vitória a menos. O clima decisivo era visível no Couto Pereira, com a presença de carca de 20 mil pessoas (segundo melhor público Alviverde no ano) e uma recepção digna de final de campeonato para o elenco na Mauá. Era a hora de mandar a zona de rebaixamento para longe e pensar em voos maiores.

PRIMEIRO TEMPO -  O jogo começou muito truncado, com muita marcação e poucos espaços para ambos os times. O jeito encontrado era finalizar de longe, e o Verdão agiu assim aos oito minutos, com chegada de Alan Santos, arriscando de fora da área e mandando a direita do gol. O Avaí tratou de responder no minuto seguinte. A inversão de bola da esquerda foi escorada por Marquinhos e sobrou para Leandro Silva, que aproveitou a falha de Carleto, invadiu a área e chutou cruzado para fora.  

O Coxa conseguiu se postar melhor em campo e armava uma pressão, jogando muito pelas laterais e apostando nas bolas cruzadas. Uma destas deu origem a um escanteio, aos 17 minutos, que Carleto cruzou no primeiro pau, na cabeça de Alan Santos, que subiu bonito e fez o Couto Pereira balançar, abrindo o marcador. O gol alviverde fez com que o Avaí saísse mais e procurasse espaços no ataque. Aos 24 minutos Pedro Castro arriscou de longe e obrigou Wilson a fazer uma boa defesa.

Com a vantagem no placar o Coritiba relaxou um pouco e o Leão ficava mais no campo ofensivo, porém os visitantes não conseguiam ter a calma para finalizar com perigo. O time de Florianópolis assustava em chutes de fora. Aos 32 Júnior Dutra aproveitou troca de passes e chutou da intermediária, jogando por cima do gol. O Verdão, que não conseguia chegar ao ataque, achou um escape aos 39 minutos. Yan Sasse deu uma bela enfiada para Rildo, que foi derrubado na área por Leandro Silva. Na cobrança, o herói da vitória contra o Sport foi para cobrança, e após pegar dois pênaltis na Ilha do Retiro, foi a vez de Wilson bater firme e marcar o seu primeiro gol no campeonato.


Foto: Assessoria Coritiba
SEGUNDO TEMPO – O Coxa começou a segunda etapa de forma avassaladora. Logo aos cinco minutos Thiago Carleto cruzou da esquerda, a bola atravessou a área e encontrou Tiago Real, que fechava na segunda trave e o baixinho cabeceou para ampliar o placar.  O Verdão seguiu pressionando, apostando em jogadas rápidas e em contra-ataques. Aos 12 minutos Léo fez boa jogada pela direita e chutou da intermediária, a bola quase sobrou para Keirrison e passou a esquerda do gol de Douglas.

Em total desvantagem no marcador, Claudinei Oliveira teve que mexer no time, colocando Juan e Joel, no lugar de Marquinhos e Luanzinho. Logo na primeira chegada, aos 14, o camaronês chutou colocado e obrigou Wilson a fazer boa defesa. Marcelo Oliveira também alterou o time, colocando Filigrana no Rildo, que saiu machucado, e Rafael Longuine no lugar de Yan Sasse. O Verdão seguia com as melhores chances. Aos 24 Thiago Carleto bateu falta forte e Douglas defendeu, dando rebote que caiu nos pés de Jonas, que chutou firme para uma defesa no reflexo do goleiro catarinense. Quatro minutos depois foi a vez de Keirrison receber de Cléber Reis, arriscar da intermediária e assustar o goleiro Douglas.

Nos minutos finais o jogo ficou morno, com o Avaí tentando atacar a meta alviverde e o Coxa aproveitando das falhas para sair no contra-ataque. Os treinadores fizeram suas últimas alterações, com a entrada de Maurinho no lugar de Rômulo, no Leão, e Dodô no lugar de Léo, pelo Verdão. Para fechar a noite Alviverde faltava um golaço, e Jonas tratou de fazer. O volante recebeu de Alan Santos na intermediária e chutou no ângulo, marcando uma obra prima e fechando a goleada no Alto da Glória.

Mais aliviado em relação ao descenso, o Coxa agora viaja para o Rio de Janeiro para encarar o Fluminense, na próxima quinta (09), no Maracanã. Já o Avaí encara o Bahia na ressacada, na próxima quarta (08).

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

CORITIBA: 84. Wilson; 22. Léo (98. Dodô), 34. Werley, 50. Cléber Reis e 88. Thiago Carleto; 27. Jonas, 5. Alan Santos, 8. Tiago Real e 70. Yan Sasse (37. Rafael Longuine); 11. Rildo (90. Filigrana) e 99. Keirrison. Técnico: Marcelo Oliveira.

AVAÍ: 22. Douglas; 2. Leandro Silva, 3. Betão, 4. Alemão e 6. Capa; 93. Judson, 26. Pedro Castro, 21. Luanzinho (99. Joel)  e 10 Marquinhos (55. Juan); 9. Júnior Dutra e 11. Rômulo (30. Maurinho). Técnico: Claudinei Oliveira.

FICHA TÉCNICA – CORITIBA 4 X 0 AVAÍ XXXXXXXXXXXXXXXXXXX

ARBITRAGEM: Marcelo de Lima Henrique.
ASSISTENTES: Michael Correia (1) e Silbert Faria Sisquim (2).
ASSISTENTES ADICIONAIS: Leonardo Garcia Cavaleiro (1) e  Carlos Eduardo Nunes Braga (2).
GOLS: Alan Santos, aos 17’, Wilson, aos 41’ do 1ºT , Tiago Real, aos 5’ e Jonas, aos 40’ do 2ºT (Coritiba). 
CARTÃO AMARELO: Léo (Coritiba); Alemão (Avaí).