Valderson, o destaque do confronto entre Fortaleza e Grêmio Ipiranga


O goleiro Valderson, camisa 12 do Fortaleza foi o grande nome da partida que colocou a equipe do Jardim Gabineto nas semifinais da Série B da Suburbana. Nos 90 minutos, o jogador passou por uma montanha russa de emoções, sendo herói e vilão ao mesmo tempo. Nas penalidades, Valderson chamou a responsabilidade para si defendendo duas cobranças, garantindo a classificação.


#FIGURINHA
Por Yuri Casari

Em um dos melhores jogos da Suburbana 2017, Fortaleza e Grêmio Ipiranga duelaram de igual para igual por uma vaga nas semifinais da competição. Quem também travou uma forte disputa durante jogo foram os goleiros Valderson e Osni, cada um defendendo sua meta. O gol precoce do atacante Cafú colocou o Fortaleza em vantagem. E foi aí que Valderson começou a aparecer, impedindo o empate adversário com defesa impressionantes em finalizações de Moura, Matheus e Laguna. No total da primeira etapa, foram oito intervenções do camisa 12 do Forta. 

No segundo tempo a partida seguiu equilibrada, com lances de ataque para os dois lados. Valderson já vinha sendo o destaque da partida, quando aos 16 minutos, quase colocou tudo a perder. Em cobrança de falta de Carlinhos, o goleiro tentou encaixar a bola e acabou deixando passar por baixo das pernas. De herói a vilão. Mas a vida de goleiro é assim mesmo. Um lance pode sacramentar o destino e mudar as manchetes do dia seguinte. Valderson poderia ter ficado marcado pela falha no gol sofrido, mas voltou a se agigantar quando o time mais precisou. Após o empate em 1 a 1, era hora das penalidades.

Na primeira cobrança, Valderson pulou certo e agarrou o chute de Matheus. Thiaguinho abriu a contagem para o Forta e na sequência, Valderson só assistiu o chute pra fora de Paulista. Seco ampliou a vantagem e na terceira cobrança do Ipiranga, Valderson apareceu de novo fazendo grande defesa na cobrança de Laguna. Geovani fechou a série em 3 a 0 para o Fortaleza, para a explosão de alegria da comunidade do Gabineto e do goleiro Valderson, a figurinha da partida. 

__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO