[JUVENIL] É hora do mata-mata na Série B


Após sete rodadas na primeira fase, oito equipes começam no próximo sábado (07) os duelos eliminatórios para decidir quem ainda pode sonhar com o título e quem fica pelo caminho. Dentro das quatro linhas, os invictos vão tentar comprovar o favoritismo diante daqueles que querem surpreender.

#PRÉ-JOGO
Por Gabriel Sawaf


Santíssima Trindade x Urano


Não há como negar que o Urano deixou uma grande impressão após a primeira fase. Em sete jogos foram cinco vitórias e dois empates, 23 gols feitos e apenas dois sofridos. Os dados otimistas enchem de expectativa o escrete da Vila São Pedro, que conta com Cristiano Bassoli, atual campeão da competição com o Bangú. Mas para chegar ao caneco, terá que passar primeiramente pelo Santíssima Trindade, que se garantiu de forma tranquila para a segunda fase, com quatro vitórias e a classificação com uma rodada de antecedência. O embate ocorre no Elba de Pádua Lima, como preliminar do jogo entre Grêmio Ipiranga x Fortaleza.

Olímpico x Renovicente

Outra equipe que chegou recheada de expectativa para o campeonato é do Renovicente. Tendo sempre bons resultados com a categoria de base e chegando ano passado nas semifinais na Série A, o escrete juvenil tricolor foi prejudicado pelo rebaixamento da equipe adulta, mas nem por isto deixou a desejar nessa temporada. Foram seis vitórias e um empate, creditando a melhor campanha do torneio ao Tricolor e levando o favoritismo para o titulo. Nessa primeira fase de mata-mata, o candidato a azarão para derrubar o R9 é o Olímpico. A equipe do Xaxim fez uma campanha não muito consistente e conseguiu a classificação na última rodada, após vencer o Shabureya. O duelo ocorre no estádio Octavio Silvio Nicco, sendo preliminar ao embate entre Bangú e Tanguá. 

Nacional x Vila Hauer

Pela tábua de classificação, esse promete ser o duelo mais equilibrado. O Nacional fez uma excelente campanha na primeira fase, perdendo apenas uma partida e conseguindo ser a única equipe a parar o Renovicente. O escrete do Boqueirão chega com tudo para bater de frente contra o time do bairro vizinho, que tenta tirar o receio do ano passado, quando morreu na fase semifinal diante o Bairro Alto. O Vila Hauer chega carregando uma invencibilidade na competição, com cinco vitórias e dois empates. O duelo entre escretes de bairros vizinhos ocorre no Parque Linear, como preliminar do duelo entre Santíssima Trindade e Vila Hauer. 

Vasco da Gama x Caxias 

O duelo envolve duas camisas que tem tradição em fazer bons times de base. O Vasquinho chega motivado após conseguir a vice-liderança no seu grupo, fazendo uma excelente campanha, com cinco vitória, um empate e uma derrota. Já o escrete do Boqueirão tem um retorno animado aos campos da Suburbana em 2017 e promete não deixar isto passar em branco. Mesmo com a classificação vinda só na última rodada, o Caxias chega com determinação para tomar rumos maiores na competição. O embate acontece no Estádio João Santana da Silva, preliminar ao duelo dos donos da casa contra o Nacional.


__________________________________________

DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO