Equilíbrio na classificação cria expectativa alta para mais uma rodada da Suburbana


Depois de dois anos de claro domínio da dupla Iguaçu e Santa Quitéria, a edição 2017 está se destacando pelo incrível equilíbrio, que pode ser conferido na classificação e também nas partidas, onde nem sempre o favorito tem levado a melhor. A diferença do líder para o último colocado é de apenas seis pontos e a 6ª rodada promete muita emoção.

#Números
Por Yuri Casari

Seis jogos movimentam a tarde curitibana pela sexta rodada da Série A da Suburbana. Estamos na metade da primeira fase, e embora o favoritos estejam na frente da classificação, os constantes resultados inesperados não nos deixam cravar os classificados para a próxima fase. Para se ter uma ideia do equilíbrio, em cinco rodadas, todas as equipes já conquistaram uma vitória ao menos, e nenhum time venceu mais que dois jogos. 

Até o momento, temos apenas dois invictos. Trieste e Iguaçu dividem a liderança com nove pontos, com ligeira vantagem para o time triestino no saldo de gols. Aliás, os dois rivais se antagonizam também em outros números. Enquanto o ataque do Trieste, com 13 gols, só perde para o do Capão Raso, o do Iguaçu divide o posto de pior ataque com o lanterna Palmeirinha, com apenas três gols marcados. Em compensação, o alvinegro mostrou uma solidez defensiva impressionante e sofreu apenas um gol, enquanto o tricolor já foi vazado em seis oportunidades. 


Na rodada deste sábado (16), fica difícil apostar nos vencedores. No José Drulla Sobrinho, o Nova Orleans, décimo colocado, precisa voltar a vencer, mas para isso, encara o líder Trieste, que vem de um empate em casa com o Pilarzinho. Esta partida terá a cobertura da Equipe DRAP. No Ismael Gabardo, a Equipe DRAP também estará presente para a partida entre Vila Fanny e Grêmio Palmeirinha. Na terceira posição, o forte time do Fanny espera poder assumir a liderança, enquanto o lanterna Palmeirinha, que não pontuou nas últimas três rodadas, precisa da vitória para não deixar as equipes de fora da zona de rebaixamento se distanciarem. 

O Uberlândia, que perdeu três partidas consecutivas, voltou a vencer na última rodada e entrou na zona de classificação. Para se manter lá, o time auriazul recebe no Manoel Gustavo Schier, o Santa Quitéria, que após um mau início, fez 7 pontos nos últimos três jogos. Na mesma região, o Novo Mundo recebe o Operário Pilarzinho na Arena Vermelha. O time da casa está em nono, fora do G8, enquanto os visitantes se encontram na quinta colocação. Ambas as equipes não vencem há duas rodadas. 

No José Carlos de Oliveira Sobrinho, o Capão Raso, melhor ataque do certame com 14 gols, encara o Imperial, que está na penúltima colocação, dentro da zona de rebaixamento. O Capão vem de vitória sobre o Palmeirinha e o Imperial vem de derrota em casa diante do Uberlândia. Fechando a rodada, duelo de alvinegros entre o vice-líder Iguaçu e o Vila Sandra. O atual campeão da série A espera voltar a balançar as redes, e o atual campeão da série B quer manter a recuperação comandada por Aroldo José, que tirou o time da ZR e colocou dentro do G8.