Com reclamação do Palmeirinha, Fanny vence e segue na parte de cima da tabela

Bitoca tirou a "zica" neste sábado. O meia só havia marcado uma vez na competição, contra o Vila Sandra na 2ª rodada (Foto: Bia Lima)
Vila Fanny e Grêmio Palmeirinha se enfrentaram neste sábado (16) no Estádio Ismael Gabardo pela sexta rodada da Divisão Especial da Suburbana. O jogo em geral não teve muitas chances perigosas e o Alviverde, mesmo com 10 atletas na segunda etapa, conseguia neutralizar os mandantes. Até que aos 33’, um lance polêmico decretou a vitória Alvirrubra por 1 a 0 e deixou o clima quente em campo.

#SUBURBANA2017
PRÉ-JOGO: Os dois times chegavam à metade da competição em momentos diferentes. O Fanny ocupava a terceira colocação e contava com tropeços da dupla italiana (Trieste e Iguaçu) para assumir a ponta. Já o Grêmio estava na lanterna e dependia de outros resultados (derrotas de Imperial e Orleans) para sair da ZR.

PRIMEIRO TEMPO: As estratégias que as equipes usaram não foram suficientes para que fizessem um primeiro tempo de tirar o fôlego. O time da casa tinha mais a posse de bola e concentrava suas jogadas ofensivas pela esquerda, apostando no entrosamento de Dionata e Pablo, buscando um espaço para o chute ou para conseguir uma falta – mas o pé de Bitoca não estava calibrado. Já o Palmeirinha se defendia bem e esperava um erro do adversário para escapar em velocidade, mas não conseguiu engatar muitos contra golpes – o que irritou o experiente Dolinha.

O Alviverde teve só duas chances na primeira etapa: um chute de fora da área de Marquinhos no primeiro minuto e uma cabeçada de Carlão aos 9’. O Vila teve cinco finalizações, duas mais perigosas: aos 10’ Dionata  tentou um cruzamento e a bola foi direto ao gol, obrigando Anderson a colocar pra escanteio e; aos 14’ Marcelo recebeu passe pelo meio, mas se enrolou e chutou pra fora.

No mais, 25 minutos de superioridade das defesas, panorama que só mudou aos 45’ quando Bitoca recebeu lançamento e levou o rapa do zagueiro Mazinho; como era o último homem, o camisa 4 foi expulso e deixou o Palmeirinha com um a menos, o que criava expectativas de uma segunda etapa mais movimentada.

Dionata foi uma das válvulas de escape do time da casa (Foto: Bia Lima).
SEGUNDO TEMPO: Foi o que aconteceu por 15 minutos. O Alvirrubro ensaiou uma pressão, criando duas chances com Pablo: aos 6’ ele cabeceou pra fora e aos 14’ recebeu passe açucarado e parou no arqueiro do Tatuquara. Os visitantes responderam com Carlão, que aos 11’ apareceu novamente no cabeceio colocando pela linha de fundo.

Mas depois dos 17’ o ritmo caiu, a marcação do Palmeirinha encaixou e não dava espaço para a troca de passes dos mandantes. O time de Valmir Constantino não conseguia propor alternativas: ou trocava passes e errava ao chegar à área, ou chutava de longe e parava no cinturão formado na meia lua.

A partida se encaminhava para um 0 a 0 quando o lance capital do jogo aconteceu. Aos 33’, Raul recebeu na direita e cruzou; a bola chegou a Bitoca, que ajeitou e abriu o placar. A questão foi o domínio: todos os atletas do Grêmio alegaram que o meia usou o braço para clarear o lance. Enquanto o time da casa comemorava, os visitantes foram pra cima do auxiliar Diego Grubba.

Dali em diante o jogo ficou tenso. O Alvirrubro também reclamou de um toque de mão e teve uma chance derradeira aos 48’, quando Bitoca cobrou falta no travessão. Nada que mudasse o placar: Vila Fanny 1, Palmeirinha 0. O resultado colocou o Fanny na vice-liderança com 11 pontos (Trieste empatou, mas Iguaçu venceu) e deixou o Grêmio com 3, na lanterna por mais uma rodada.

Dolinha, um dos mais exaltados do Alviverde no jogo, não poupou palavras ao auxiliar Diego Grubba (Foto: Bia Lima)
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
VILA FANNY: 1 Nenê; 2 Rafael, 3 Everson, 4 Gbur e 6 Dionata; 5 Zé Nunes, 8 Juninho, 7 Bitoca e 10 Marcelo; 11 Caio e 9 Pablo. Técnico: Valmir Constantino.

PALMEIRINHA: 12 Anderson; 2 Rafa, 3 Mucilon, 4 Mazinho e 6 Polaco; 5 Carlão, 8 Alex 21, 11 Maninho e 15 Celo; 7 Dolinha e 9 Marquinhos. Técnico: Wagner Primo.

FICHA TÉCNICA – VILA FANNY 1 X 0 PALMEIRINHA XXXXXXXXXXXX
ARBITRAGEM: Selmo Pedro dos Anjos Neto.
ASSISTENTES: Diego Grubba (1) e Andrey Guimarães (2).

GOL: Bitoca aos 33’ do 2°T (Fanny).
__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO