Em jogo truncado, Nacional vence Shabureya no apagar das luzes


Nacional e Shabureya se enfrentaram no Elba de Pádua Lima nesta quarta (31) em jogo atrasado da quinta rodada da Copinha. O gramado castigado pelas fortes chuvas na capital paranaense dificultou o futebol arte, obrigando as duas equipes a jogar no bumba meu boi. Uma peleja com cara de 0 a 0, mas que teve seu destino transformado aos 43’ do segundo tempo.

#COPINHA 2017
Por Dudu Nobre

Com quatro minutos aconteceu o principal receio de qualquer atleta que joga em campo pesado: o zagueiro do Shabu Cleber se machucou feio e teve de ser substituído.

Quanto ao jogo, as estratégias eram claras: passando do globo central, qualquer brecha era chute. Faltas e escanteios também eram armas poderosas para dar trabalho aos goleiros. Dentro dessas condições, o escrete laranja e preto se adaptou mais rápido que o alviceleste. Foram oito possibilidades de gol do Shabureya contra três do Nacional. A equipe do Ganchinho concentrou suas jogadas pela direita, explorando os vacilos do lateral Carlinhos. Quatro chances foram perigosas. Aos 13’ Murian meteu bomba, mas Ricardo encaixou; aos 24’ Peter cobrou com veneno uma falta na direita, obrigando o goleiro a tirá-la de soco; aos 39’ Guto cruzou e Carlinhos quase fez contra e; aos 43’ Ricardo soltou chute de Murian nos pés de Bueno, que acabou sendo abafado pelo goleiro.

Já o Nacional buscava estirões para os atacantes Nycollas e Axel, mas os dois estavam levando Alemão à loucura com a falta de definição, tanto que só conseguiram protagonizar uma oportunidade clara aos 29’, quando Axel recebeu cruzamento da esquerda e perdeu embaixo da trave a lá Deivid. As outras chances foram criadas pelo meia Guilherme, que logo no primeiro minuto chutou de fora e viu Homero espalmar, e pelo volante Baraka, que bateu falta da intermediária pela linha de fundo. O treinador alviceleste tinha muito que conversar com o setor ofensivo da equipe.


SEGUNDO TEMPO – Na volta do intervalo Alemão mexeu no Nacional. Tirou o volante Jefinho e o atacante Axel para colocar o meia Fernandinho e o volante/zagueiro Fontelli. As mudanças surtiram efeito, já que Fernandinho tinha mais qualidade mesmo em condições adversas e o reforço de Fontelli no setor defensivo possibilitou que Luiz saísse mais pro jogo, encostando no ataque. Com isso o cenário se inverteu, tanto que na segunda etapa foram exatamente oito possibilidades de gol do Nacional contra três do Shabureya. Pelo lado laranja e preto, aos 11’ um chute da direita assustou a defensiva rival, aos 29’ Matheus bateu e Ricardo espalmou e aos 41’ uma cabeçada pra fora. Só.

Pelo lado do escrete do Boqueirão, destaque aos 15’ quando Fernandinho cobrou falta venenosa e o goleiro afastou; aos 19’ quando o meia lançou para Nycollas, que bateu na rede pelo lado de fora e; aos 36’ quando Luiz tirou o zagueiro da jogada, mas bateu pra fora. Tudo muito bom, tudo muito bem... Mas nada de gol. Alemão até promoveu a entrada de Luquinhas no jogo, mas o 0x0 insistia em ficar no placar do Elba. Até que aos 43’ um lance esquisito desempatou a contenda.

Cruzamento da esquerda em direção a Luiz, que dividiu com Homero e ganhou. A bola ficou limpa, mas ele se enroscou com a redonda e não conseguia concluir. Na terceira tentativa, “tirou a uruca” e abriu o marcador. Aos 46’ o Nacional poderia ter feito mais, porém o pé estava descalibrado, assim como nos 87 minutos anteriores ao gol. Fernandinho e Bruninho acertaram a trave em um intervalo de cinco segundos. Não conseguiram alterar o resultado final: Nacional 1, Shabureya 0.


OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

NACIONAL: 1 Ricardo; 2 Bruninho, 3 Gustavo, 4 Luciano e 6 Carlinhos; 5 Baraka, 8 Jefinho (16 Fernandinho), 7 Luiz e 10 Guilherme. 9 Nycollas (13 Luquinhas) e 11 Axel (19 Fontelli). Técnico: Alemão.

SHABUREYA: 1 Homero; 2 Vermelho, 3 Bueno, 4 Cleber (5 Vinicius) e 6 China; 7 Murian, 8 Luizinho, 17 Peter (18 Marcos) e 10 Matheus; 11 Guto e 9 Felipe (22 Neguinho). Técnico: Tchesco (Pepe teve um imprevisto e não pode comandar a equipe).

FICHA TÉCNICA - NACIONAL 1 X 0 SHABUREYA XXXXXXXXXXXXXXXXXX

GOL: Luiz aos 43’ do 2°T (Nacional).

AMARELOS: 3 Gustavo, 4 Luciano e 6 Carlinhos (Nacional); 3 Bueno, 17 Peter e 11 Guto (Shabureya).

ÁLBUM DE FOTOS DA PARTIDA XXXXXXXXXXXXXXXXXX

COPINHA 2017 (5° RODADA) - NACIONAL 1 X 0 SHABUREYA



__________________________________________

DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO