Sofrido, mas merecido! Tricolor passa nos pênaltis pelo ASA e segue vivo na Copa do Brasil



Na noite da última quarta-feira (5), o tricolor da Vila Capanema recebeu o ASA no Estádio Durival de Brito e Silva e precisou passar pelos pênaltis para eliminar a equipe alagoana e confirmar a vaga na próxima fase da Copa do Brasil de 2017. No tempo regulamentar, a partida ficou no 0x0. Já nas penalidades, o tricolor foi pontual e converteu todas as cobranças, vencendo por 4x1.

#CopadoBrasil                                                            
                                                                                      Por Leonardo Dulcio

O Tricolor começou a partida com tudo. Logo aos 2’, Renatinho fez boa jogada pelo meio, soltou para Robson que abriu na ponta para Pedro. O atacante esteve sozinho para abrir o placar, porém, foi pego em posição irregular. Mesmo assim, aos 6’, o Paraná continuou pressionando e após um lançamento de Biteco, Robson arrancou, invadiu a área e finalizou para uma bonita defesa do goleiro Cetin. Lances que motivaram ainda mais o time da Vila Capanema.

Mas por outro lado, o time alagoano respondeu. Aos 11', a bola sobrou para Aírton na intermediária, que arriscou dali mesmo e assustou o goleiro Léo. Desde então, a partida seguiu agitada. Com 15’, Biteco bateu uma falta venenosa da lateral a bola pingou e bateu no peito do goleiro da equipe visitante. Tirando o grito de Uh! da galera presente na noite fria e chuva, em Curitiba. O time de Maurílio também respondeu com bola parada. Aos 22’, Téssio cobrou uma falta da intermediaria com muita precisão e quase abriu o placar para os visitantes. A primeira etapa terminou com o jogo morno, com muitas faltas e com jogadas truncadas na meia cancha. 


SEGUNDO TEMPO - As equipes voltaram sem alterações do intervalo, mas o Tricolor mudou  a sua postura e começou pressionando a equipe do Nordeste. Aos 7’, Biteco cobrou uma falta rasteira com precisão, o goleiro Cetin fez mais um boa defesa. Mas o time do alagoano não veio a Curitiba a passeio e também incomodou. Aos 21’, boa trama ofensiva do ASA, a bola sobrou dentro da área para Téssio que finalizou em cima do goleiro Leo, que salvou o Tricolor em dois tempos. Mas aos 22', após bate rebate na área, Biteco chutou e a bola bateu na mão do defensor da equipe Alagoana. Pênalti para o Paraná Clube. Mas Eduardo Brock cobrou para fora e desperdiçou a chance do tricolor sair na frente. 

Passado a metade da etapa complementar, com 31’, o Paraná Clube criou outra boa oportunidade com a arrancada de Felipe Alves pela ponta direita, o camisa 19 cruzou rasteiro para o meio da área, onde estava Renatinho. O meia limpou o primeiro defensor e em seguida bateu por cima da meta de Cetin. Na fissura pelo gol, Nathan Cachorrão recebeu na meia lua da área, girou bonito e finalizou, a bola passou caprichosamente raspando na trave do ASA, aos 37'. Sendo esse o último lance de perigo no tempo regulamentar, concretizando o placar em 0x0, repetindo o placar da partida em Arapiraca, o que levou o embate para os pênaltis.



Nas cobranças de pênalti, o tricolor venceu por 4x1 e conquistou a vaga para a próxima fase da Copa do Brasil de 2017. Robson, Diego Tavares, Leandro Vilela e Eduardo Brock converteram para o Paraná. Enquanto que do outro lado, Djalma e Aírton desperdiçaram as cobranças do ASA e decretaram o placar final nas cobranças de pênalti.

Agora o Tricolor vai enfrentar o Vitória no dia 13 de Abril, às 19h15, em Salvador, pela quarta fase da Copa do Brasil. O confronto vale vaga para as oitavas de final da competição. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXX

PARANÁ CLUBE: 01- Leo; 02- Diego Tavares; 03- Airton; 04- Eduardo Brock; 06- Kaike; 05- Jhony; 08- Alex Santana (15- Leandro Vilela); 10- Renatinho; 07- Robson; 11- Guilherme Biteco (19- Felipe Alves); 09- Pedro (17- Nathan). Técnico: Wagner Lopes.

ASA-AL: 01- Cetin; 02-Douglas; 03- Anselmo; 04- André Lima; 06- Airton; 05- Mazinho; 08- Leanderson (15- Gaspar); 10- Doda (16- Djalma); 07- Juninho; 11- Téssio (18- Mandacaru); 09- Leandro Kível. Técnico: Maurílio.

FICHA TÉCNICA XXXXXXXXXXXXXXXXXX

GOLS: Não houveram.
CA: Paraná: Kaike, Alex Santana, Robson e Renatinho. ASA: André Lima, Mazinho, Leanderson, Doda e Leandro Kível.
PÚBLICO E RENDA: 8.500 PESSOAS/ R$172.260,00
COBRANÇAS DE PÊNALTI: Paraná 4x1 ASA-AL
PARANÁ: Robson (G), Diego Tavares (G), Leandro Vilela(G) e Brock (G) 
ASA:  Leandro Kível (G), Djalma (X) e Aírton (X).

G- GOL
X- DESPERDIÇOU

EM BREVE O ÁLBUM DE FOTO (VÍDEO) xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx


__________________________________________

DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO