Em jogo tenso, Uberlândia supera Fanny e entra no G8


Nesse sábado (1), a partida entre Uberlândia e Vila Fanny - válida pela penúltima rodada da primeira fase da Série A - reuniu muitas faltas, cartões e pressão por parte da torcida. No fim, o Uber aproveitou uma das poucas chances claras, marcou o gol e segurou o resultado.

#SUBURBANA16
Por Arthur Henrique

O jogo já começou pegado, visto que o Uberlândia necessitava dos pontos para buscar a última vaga entre os oito que vão a próxima fase. A equipe estava em nono lugar no início da rodada. Com espírito de uma final os times ficaram muito presos no meio-campo, com pouco mais de 10 minutos a primeira rodinha em volta do juiz se formava, uma falta no campo do Fanny gerou muita discussão, mas sem cartão pra ninguém - pelo menos naquele momento.

Muitas faltas e poucas chances de gol foram o resumo da primeira etapa. As duas equipes construíram poucas jogadas, com nenhuma chance clara de gol. Emoções somente no número de cartões: foram sete apresentados na primeira etapa. Pelo Uber, Nepo, Quintinho e Juliano. No Fanny, William, Matraca, Bruno e Guelo ficaram pendurados.


SEGUNDO TEMPO - Na segunda etapa os dois times voltaram dispostos a mudar o panorama do jogo. As chances se tornaram constantes, o Uber chegava com mais força, principalmente com o camisa 10 Rafinha. Pelo Fanny as chances vieram mais fortes pela direita e bolas paradas. Na questão disciplina o número de cartões diminuiu, mas as faltas continuaram em grande número.

Com tantas infrações, não era difícil arriscar a maneira que o gol da partida sairia. Aos 20’, em bola levantada na área, Rafinha meteu a cabeça na bola, mas o goleiro Nilis fez uma defesa milagrosa; no rebote Alex Paiva meteu uma bica para encher as redes e levar a torcida à loucura. O Uber se segurou e contou com tarde inspirada do goleiro Giraia para garantir a vitória e se manter vivo na disputa pela classificação.


PRÓXIMA PARTIDA xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

O Fanny está com a vaga encaminhada – só uma combinação de três resultados adversos o tira da próxima fase. No entanto, teve um rendimento abaixo do esperado no Gustavo Schier, terá a oportunidade de mostrar seu futebol recebendo o líder Novo Mundo no próximo sábado.

O Uberlândia depende de suas próprias forças e na última rodada pega o já rebaixado Nacional. Uma vitória é vital para seguir em frente, resta saber se o time saberá jogar fora de casa, lidando com a pressão e encarando um adversário de “sangue doce”.

OS ESCRETES xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx


UBERLÂNDIA: 12 Giraia; 2 Luan Santos; 3 Thiago; 4 Alex Paiva; 5 Nepo; 6 Alan; 7 Luanzinho; 8 Quintino; 9 Sena; 10 Rafinha; 19 Juliano. Técnico: Joãozinho Ribeiro.

VILA FANNY: 1 Nilis; 2 William Israel; 3 Everson; 4 Matraca; 5 Bruno; 6 Gasosa; 7 Alex; 8 Magu; 9 Bruno França; 10 Nilvano; 11 Guelo. Técnico: Nego.

GOL: Alex Paiva aos 20' do 2°T (Uberlândia).

MELHORES MOMENTOS (VÍDEO) xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx




__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO