[JUVENIL] Apagão do Santa Quitéria decreta a vitória do Trieste de 5 a 0


Em busca da liderança, o escrete do Trieste conseguiu vencer o Santa Quitéria no Estádio Francisco Muraro no último sábado (10), em confronto válido pela sétima rodada da Divisão Especial da Suburbana 2016 - Categoria Juvenil. De um primeiro tempo com poucas oportunidades a um segundo tempo com inúmeras chances, o time da Colônia aproveitou o apagão da equipe adversária e conseguiu marcar quatro vezes na etapa complementar. A vitória ainda mantém o time do Trieste invicto no certame e na cola dos líderes.

#SUBURBANA 2016
Por Rafael Buiar

Os primeiros minutos de bola rolando foram de um Santa Quitéria com mais volume de jogo, procurando mais o gol, enquanto que do outro lado um Triste aplicando forte marcação. Fato que proporcionou um jogo movimentando com menos de 5’. Mas com o desenrolar do embate, o time da casa foi melhorando, principalmente, o setor de meio de campo e chegou a concluir pela primeira vez na primeira etapa aos 13’ com o lateral Emerson. Na sequência, o lateral Emerson cruzou na medida para Ruan, que na primeira oportunidade cabeceou para fora.

Lance que acordou a equipe da casa, que passou atacar com bolas longas, ligação direta, e, principalmente, jogada pelas laterais. Destaque para Emerson, que foi um dos jogadores mais acionados nos primeiros 20’ do embate. Não deu outra, com mais volume de jogo e com a persistência de buscar o gol, o time da Colônia sofreu pênalti aos 25’. Em lance de bate rebate dentro da área, a bola acabou batendo no braço do atleta do Santa Quitéria e o árbitro assinalou pênalti. Felipe, calmo, cobrou sem chances para o goleiro Eron.

Depois do gol, o embate caiu de produção e ficou travado, com vários passes errados de ambas as equipes. De um lado, o Santa Quitéria assustado depois de levar o primeiro gol e o time da casa também ansioso para a chegada do segundo gol. Por isso, o placar persistiu em 1 a 0 para o time da casa até o apito final da primeira etapa.


SEGUNDO TEMPO – A equipe visitante fez duas alterações na sua equipe para o retorno a segunda etapa. As substituições deram resultados, pois o escrete do Santa Quitéria ficou mais ofensivo. Em poucos minutos chegou duas vezes a meta do arqueiro Lucas. Mas a resposta do Trieste apareceu na sequência, com 8’, em jogada de Nicholas e Diego Martins. Mesmo assim, o time do Santa Quitéria assustou mais duas vezes. Não deu outra, o treinador Danilo Candelore fez duas alterações na equipe.

Não demorou muito para o placar ser alterado após o troca-troca, pois o time do Trieste ficou mais ligado. Em jogada pela esquerda, Ruan finalizou com um chute forte cruzado na entrada da área, sem chance para Eron, aos 25’, ampliando o marcador no Francisco Muraro. Minutos depois, em cobrança de escanteio, William ajeita na medida para Ruan só empurrar para o gol e ampliar o marcador, aos 30’.

Três minutos depois, Ruan aproveitou outra vez, após cobrança de escanteio. Desta vez, o camisa 9 pegou de primeira e acertou um belo chute. O apagão do Santa Quitéria não parou por ai, pois aos 39’ o Trieste ampliou o placar para 5 a 0, com Ramon. Nos minutos finais, o time do Santa Quitéria sentiu os gols e ficou sem força para reagir ou diminuir o marcador. A partir disso, o time da casa passou a administrar o embate trocando passes até o árbitro decretar o final do embate.


PRÓXIMA PARTIDA xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Na próxima rodada, o time do Trieste irá jogar em casa, no Francisco Muraro, contra o Capão Raso, que venceu de 3 a 0 o Iguaçu no Estádio José Carlos de Oliveira Sobrinho. Já o time do Santa Quitéria irá jogar em seus domínios, no Estádio Maurício Fruet, o Uberlândia, que perdeu fora de casa para o Nova Orleans de 5 a 1.

OS ESCRETES xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

TRIESTE: Lucas; Felipe (Guilherme), Thiago, Willian e Emerson; Walter (João Victor), Diego, Thiago Ferreira (Alexandre) e Ramon; Nichola e Ruan. Tec. Danilo Candelore

QUITÉRIA: Eron; Guilherme, Joaquim (Kevin), João e Eros; Felipe (Matias), Cebola, Rafael (André) e Gabriel (Matheus); Juninho (João Paulo) e Emanuel. Tec. Mauro.

GOLS:  Felipe aos 25’ do 1º tempo,  Ruan aos 25’, 30’ e 34’ do 2º tempo e Ramon aos 39’ do 2º tempo (Trieste)


MELHORES MOMENTOS (VÍDEO) xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx



__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO