Rafinha, o destaque do confronto entre Capão Raso e Uberlândia


No último sábado (6), a equipe do Uberlândia conquistou a primeira vitória no certame e diante seu rival Capão Raso, com o placar de 2 a 0, no Estádio José de Oliveira Sobrinho. O triunfo deu força e ânimo para o escrete do Uberlândia acreditar e embalar na competição. Mesmo com a melhora no conjunto da equipe, quem puxou o bonde do Uber foi o camisa 10, que além de usar a faixa de capitão, abriu o marcador com um golaço de falta. Confira a vigésima quinta figurinha DRAP de 2016:

#FIGURINHA DO JOGO
RAFAEL BUIAR

O escrete do Uberlândia ainda não sabia o que era vencer antes de a bolar rolar em mais um clássico da Zona Sul, pois o vice-campeão da 3ª edição da Copinha perdeu para o Iguaçu fora de casa e também contra o seu maior rival em casa (Novo Mundo) e, com um gol polêmico. Ou seja, na terceira rodada da Divisão Especial de 2016, o time comandado por Joãozinho precisava de uma recuperação para, pelo menos, apresentar o bom futebol da competição do primeiro semestre. Não deu outra, com a gana de conquistar os três primeiros pontos, a equipe da Vila Formosa foi para cima do Capão.

Mesmo jogando fora de casa e com a torcida presente, o camisa 10 quis responder o apoio com um bom futebol. Por isso, não demorou muito para o time visitante iniciar a sua recuperação na competição. Em falta próxima da área, Rafinha, além de capitão, chamou a responsabilidade aos 12’ e cobrou. Não deu outra, com o pé calibrado, Rafinha chutou forte e com uma curva a bola acabou entrando no ângulo do arqueiro Gênisis, abrindo o placar no Estádio José de Oliveira Sobrinho.

A comemoração não poderia ser diferente, que segundo ele, a derrota do embate anterior foi doída para ele e para a torcida. Por isso, o camisa 10 do Uber foi para o alambrado comemorar junto com a torcida e seus companheiros. Mas Rafinha não parou por aí, já que após o gol de falta, o meia campista se fez presente na forte marcação, divididas e ataques em velocidades, quando necessário. Sendo assim, um dos mais aplicados taticamente na equipe do Uber, junto com os companheiros Sena e Luan.

Ainda que minutos depois, o placar foi ampliado com Kiki. Mesmo assim, Rafinha conseguiu manter o fôlego para ajudar seus companheiros. Por isso, com muita vontade e trabalho forte taticamente, em um jogo de 2 a 0 no clássico da Zona Sul, o  camisa 10 do Uber foi o destaque da partida entre Capão Raso e Uberlândia. Sendo ele, a vigésima quinta figurinha DRAP de 2016.

__________________________________________
NÃO É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.