Novo Mundo vence em casa o União Ahú e garante vaga para a finalíssima da Copinha


Novo Mundo e União Ahú jogaram na tarde deste sábado (21), na Arena Vermelha, em confronto válido pelo jogo de volta da semifinal da Copa de Futebol Amador da Capital. Com uma vantagem larga antes de a bola rolar, o escrete do Novo Mundo não quis saber de tirar o pé e confirmou o favoritismo ao vencer mais uma vez a equipe do União Ahú de goleada. Com a vitória, o time comandado por Ivo Petry irá desafiar na final o rival Uberlândia e com a vantagem de decidir em casa.

Por Rafael Buiar

Mesmo com vantagem no placar de quatro gols, a equipe do Novo Mundo iniciou o embate com mais volume de jogo, procurando, principalmente, os flancos do campo para atacar. Ainda, que do outro lado, a equipe do União Ahú errou bastante passes na sua intermediária, o que dificultou a saída de bola da equipe da casa. Com 10’, os atacantes Djonathan e Fernandinho foram os mais acionados e já se destacavam no confronto.

Por isso, o escrete do União só conseguiu atacar com jogada de contra-ataques. Mas sem prejudicar a equipe do Novo Mundo, pois o sistema defensivo da equipe da casa esteve bem postado e não deu nenhuma preocupação ao goleiro Jociel. Mas com o passar do tempo, o União Ahú foi chegando, principalmente pelo lado esquerdo. Dentre as jogadas, teve uma que a dupla de ataque fez ótima trama aos 15’. Stanley iniciou a jogada e deixou seu companheiro livre para arrematar, mas o camisa 9 perdeu o tempo da bola e concluiu para fora. Sem perigo a meta do arqueiro Jociel.

A resposta do Novo Mundo não demorou muito tempo, pois minutos depois foi a vez do arqueiro André trabalhar, evitando o gol da equipe da casa. Novamente com a dupla de ataque Fernandinho e Djhonatan. Desta vez, o camisa 11 (Fernandinho) arrematou e fora da área, o arqueiro do União Ahú fez ótima defesa, mas afastou parcialmente o perigo. No rebote, o Djhonatan concluiu fraquinho, o que fez com que André realizasse uma ótima defesa.

Mas o ataque seguinte da equipe do Novo Mundo não deu para segurar, pois em uma ligação rápida do arqueiro Jociel, o time da casa trocou passes com facilidades, envolvendo o sistema defensivo do União Ahú, até chegar aos pés do camisa 9 (Djonatan) para abrir o placar aos 23’. 

Mesmo sofrendo o gol, o time visitante não se abateu e foi pra cima do Novo mundo, principalmente, pelo lado esquerdo. Por isso, com o sistema defensivo da equipe visitante estava exposto. Sabendo disso, o time do Novo Mundo optou por pelos contra-ataques. Em relação a isso, nos minutos finais, a equipe do Novo Mundo quase que chegou ao segundo gol, com Helton. Em jogada de bate rebate próximo da área, o volante arrematou cruzado, tirando tinta da trave. Minutos depois. o confronto ficou travado, com faltas no setor de meio campo e por isso não prosseguiu com nenhum lance de perigo até o apito final da primeira etapa.

SEGUNDO TEMPO – Com o placar a favor e com uma larga vantagem, o escrete comandado por Ivo Petry iniciou a etapa complementar com alterações. Mas quem entrou diferente no modo de jogar foi a equipe do União Ahú, já que em poucos minutos assustou o goleiro Jociel. Logo no primeiro minuto, Son ganhou na dividida com Bruninho e cruzou na medida para Ganso. O atacante chutou de primeira, mas a bola não passou pelo goleiro do Novo Mundo, que fez ótima defesa e manteve o placar a favor do escrete da casa.

Lance ofensivo que motivou a equipe do União Ahú e fez com que a equipe e comandada por Tachinha ficasse marcando presença no campo do Novo Mundo. Mas essa pressão não durou por muito tempo, já que do outro lado teve uma equipe bem encaixada. Por isso, aos 13’ o escrete do Novo Mundo chegou no segundo gol. Em boa trama do setor de meio de campo, Jhony passou para Marquinhos Lima que chutou cruzado. A bola ainda teve um desvio no trajeto até chegar à Bruninho, que arrematou certeiro. Sem chances para André, que pouco pode fazer para evitar o segundo gol do Novo Mundo.

Pronto, o segundo gol do time da casa fez com o que o time do União Ahú pouco chegasse a meta do goleiro Jociel. Por isso, o treinador Tachinha optou por algumas trocas na sua equipe. A partir dos 15’, os ânimos ficaram exaltados por ambos os escretes, reclamando principalmente da arbitragem. Por isso, o treinador do time da casa, sacou alguns jogadores que estavam com cartões amarelos para colocar mais garotos e gás  no confronto. 



Não deu outra, com mais fôlego, o time do Novo Mundo ficou mais presente no campo do União Ahú e chegou ao terceiro gol com facilidade. A jogada do terceiro gol aconteceu com uma falta dentro da área, em que atacante Djonathan foi derrubado pelo zagueiro. Na cobrança, Jhony Ribas bateu e converteu aos 29’ da etapa complementar.

Minutos depois, o escrete do Novo Mundo ampliou. Desta vez, com jogada iniciada por Marquinhos Lima, que do lado direito foi trocando passes até chegar ao camisa 20, Everton, que só teve o trabalho de concluir na saída do goleiro e colocar o quatro no placar da Arena Vermelha, aos 34’. Nos minutos finais, o embate caiu de qualidade, já que ocorreram muitas faltas neste período do confronto. Mesmo assim, o time do Ivo Petry conseguiu chegar ao quinto gol e novamente com Jhony de pênalti, que deu números finais ao embate na Arena Vermelha, já que minutos depois o árbitro decretou o final da partida.

PRÓXIMA PARTIDA xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Com mais uma vitória na semifinal, a equipe do Novo Mundo garantiu a primeira colocação na classificação geral. Devido a isso, o time comandado pelo treinador Ivo Petry decidirá em casa a finalíssima da Copinha. O adversário da final será nada mais que o rival Uberlândia, que também está com 100% de aproveitamento.

OS ESCRETES xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

NOVO MUNDO:
 Jociel; Evandro (Bruninho), Ricardo, Muriel e Cesar (Evandro); Helton, Marquinho Lima (Gui), Jhony e Danilo (Matheus); Djonathan [C] (Waguinho) e Fernandinho (Dudu). Tec: Ivo Petry

UNIÃO AHÚ: André; Renan Aguiar [C], Ramón e Felipe (Son); Vivi, Luciano, Diogo e Aquiles (Alan), Ganso (Lucas) e Stanley Técnico: Tachinha.

GOLS: Djonathan, aos 23’ do 1º tempo; Bruninho, aos 13’ do 2º tempo; Jhony aos 30’ e aos 40’ do 2º tempo; e Everton aos 34’ do 2º tempo (Novo Mundo). 


MELHORES MOMENTOS (VÍDEO) xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx




__________________________________________
NÃO É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.