[JUVENIL] Trieste joga bem fora de casa e vence com tranqüilidade a equipe do Nova Orleans


A equipe juvenil do Trieste enfrentou ontem (19), com o time misto, o escrete do Nova Orleans, que também foi com uma equipe alternativa, no Estádio Jóse Drulla Sobrinho, em partida válida como a última rodada da 1ª fase. O time da Colônia, mais organizado, conseguiu o triunfo ainda na primeira etapa com 2 a 1 no placar. Na segunda etapa, o Orleans sentiu o segundo gol e o Trieste só administrou a vantagem e ainda conseguiu marcar dois.

#CRÔNICA
Por ISAAC SILVA 

A equipe do trieste deu a saída de bola no estádio José Drulla Sobrinho, mais foi depois dos 5’ que a equipe visitante teve mais volume de jogo e oportunidades com bolas paradas, principalmente, em vários escanteios. A primeira chegada do time da casa foi aos 10’, com o meio campista Bruno que quase que deixou o time da casa na frente nos primeiros minutos. Mas como a equipe do Trieste estava muito focada na partida não demorou muito para abrir o placar aos 14’, com João Vitor chutando forte sem chances para o goleiro Matheus, para vibração da torcida visitante.

Depois do gol, o time da casa melhorou e veio com tudo para o ataque. Aproveitando o momento do time, o Nova Orleans conseguiu arrancar uma falta na intermediária. Na cobrança, o capitão do Nova Orleans, Eduardo, chamou a responsabilidade e bateu a falta no ângulo, sem chances para goleiro João aos 17’, e empatou a partida.

Aos 29’, teve uma parada (pausada) no cronômetro, pois os torcedores estavam no pé do assistente Diogo Morais, contestando as falhas não marcadas. Como faltas, impedimentos e principalmente bola paradas para o lado errado. Voltando ao jogo, o time visitante teve uma falta a favor  com Gustavo. Em uma cobrança direta, Gustavo colocou no cantinho sem chances para o goleiro do UNO, aos 30’. Nos minutos finais da primeira etapa, os dois times ficaram nervosos e não conseguiram criar oportunidades para rematar ao gol. Com isso, o árbitro Felipe Kirchner Bello encerrou a primeira etapa, em 2 a 1 para o Trieste.

SEGUNDO TEMPO - Voltando para a etapa complementar os dois times resolveram mudar e colocar caras novas nas suas equipes. Nos  primeiros minutos nenhuma das duas equipes conseguiram arrematar ao gol e alterar o placar. Mas aos 19’ minutos, o time visitante aproveitou e fez o terceiro gol com o Lucas, que encobriu o goleiro e mandou na medida para o fundo das redes.

Passados os minutos iniciais, o time da casa estava pior em campo, com passes errados e, principalmente, atacando com todos os seus jogadores. Aproveitando isso, em contra ataque muito  rápido do time visitante, o camisa 10 Lucas, que já havia marcado, chutou rasteiro sem chances para o goleiro e marcou o 4 gol para o time da COLÔNIA, aos 25’.


Nos minutos finais da partida varias substituições no time da casa, mas nada que mudasse o placar. O time não conseguiu chegar com perigo ao gol do Trieste e minutos depois o arbitro acabou a partida em 4 para o time do Trieste e apenas 1 para a equipe do Nova Orleans, que perdeu em casa. 


__________________________________________
É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, 
desde que citada a fonte.