A 52ª Taça Paraná coloca o futebol amador em cena

 
O futebol amador do estado do Paraná entra em cena neste domingo (8), com a abertura da 52ª Taça Paraná. Neste ano, o certame terá a presença de nove clubes. Dentre os escretes presentes, dois são de Curitiba: Nova Orleans (Campeão da Série A) e o Nacional (Campeão da Série B). A competição do primeiro semestre não é como anos atrás, em que teve 36 clubes. Mas acredite, o certame deste ano não é o pior em relação a número de equipes, pois em 2013 a competição teve apenas quatro equipes na disputa. Problemas a parte, o site Do Rico ao Pobre separou fatos importantes para explicar como é a competição. (Foto: Jorge Luiz da Silva)

 #FUTEBOLAMADOR 
Por Rafael Buiar

A Taça Paraná foi criada em 1964, na gestão de José Milani, pelo Capitão Hugo Weber, que na época era o superintendente da Federação Paranaense de Futebol (FPF). O Capitão criou visando interligar o futebol amador, até então disputado regionalmente pelas diversas ligas espalhadas em todo o Estado. Mas antes mesmo de ser oficializada, a FPF resolveu organizar duas competições experimentais, 1960 e 1962, para em 1964 criar a Taça Paraná, realizada anualmente com a presença dos campeões das Ligas regionais e também da Capital.

No passar dos anos, a competição tomou grande impulso e ganhou holofotes nacionalmente, em que vários craques foram revelados para o futebol o profissional. Fato que foi um dos pilares para aumentar ano a ano o número de participantes e proporcionando a instalação de Ligas Regionais. Sendo assim, a taça foi oficializada em 4 de agosto de 1964. O Capitão Weber criou a competição com base em quatro objetivos, o primeiro é disciplinar os certames das Ligas do Interior com calendário pré-estabelecidos; seguido de regularizar a documentação dos atletas amadores para controle de transferência dos mesmos; além de motivar a disputa dos torneios das Ligas regionais com vistas ao Campeonato Estadual da categoria e por fim, a integração das várias regiões do Estado através do futebol.

Foto: cacellain.com.br
A primeira Taça Paraná teve times das cidades de Paranaguá, União da Vitória, Antonina, Ponta Grossa, Campo Largo e entre outra. Naquele ano, a competição foi dividida em dois grupos, Capital e Interior. No grupo da Capital estiveram presentes o Iguaçu (Campeão da 1ª Divisão), Bangu (Campeão da 2ª Divisão) e União Barigui (Campeão da 3ª Divisão), que realizaram o triangular entre si. O vencedor dentre os três foi o União Barigui, que sagrou-se campeão da capital e ganhou o direito de disputar com o campeão do interior. Já no grupo do Interior teve presenças do Clube Atlético Monte Alegre (Monte Alegre), Londrina F.C, Grêmio Oeste de Guarapuava, Clube Atlético União Olímpico de Irati e Real da liga de Campo Largo.

Sendo assim, Real e Barigui decidiram o título no sistema de ida-volta. O primeiro confronto da final foi de vitória do time de Campo Largo de 4 a 0 no Estádio Durival de Brito e Silva, em Curitiba. No segundo embate, na cidade de Campo Largo, o time do Real voltou a vencer por 4 a 2, sagrando-se com o 1º campeão Amador do estado do Paraná. 
Foto: Gazeta do Povo
O campeonato deste ano será disputado em três fases. A primeira fase é dividida em dois grupos, o ‘A’ com cinco e o ‘B’ com quatro equipes. Os clubes se enfrentam nos seus respectivos grupos em turno e returno e somente duas equipes de cada irão se classificar. Na fase seguinte, os duelos serão no sistema de mata-mata, pois o 1º do ‘A’ enfrentará o 2º do ‘B’ e o 1º do ‘B’ com o 2º do ‘A’. Os vencedores dos embates irão fazer duelar em dois jogos para definir quem será o campeão da 52ª Taça Paraná. Na fase semifinal, para desempate técnico, no caso de soma de pontos iguais, não haverá saldo de gols, a decisão da vaga para a final será através da prorrogação e penalidades. A fórmula se repete na decisão da taça.

Nova Orleans e Nacional terão como adversários, o campeão da liga de Guarapuava, Danúbio; Campeão da liga de Campina Grande do Sul, Eugênio Velho; Campeão da liga de Colombo, Bola de Ouro; Campeão da liga de São José dos Pinhais, Jardim Alegria; Campeão da liga de Campo Largo, Fanático; Campeão da liga de Araucária, Grêmio Liquigás e atual campeão da Taça Paraná, Bandeirantes (Colombo). Confira os grupos:

GRUPO A
GRUPO B

Bandeirantes (Colombo)

Danúbio (Guarapuava)
Jardim Alegria (São José dos Pinhais)
Nacional (Curitiba)

Bola de Ouro (Colombo)

Fanático (campo Largo)

Jdm Nova Campina (Camp.Grande do Sul)

Grêmio Liquigás (Araucária)

Nova Orleans (Curitiba)

XXXXXXXXXXX

CALENDÁRIO - A equipe do Nova Orleans, que está no Grupo A, irá ter oito embates na primeira fase. Já o time do Nacional, que é do Grupo B, terá duas partidas a mais que o UNO. O Verdão da Zona Oeste estreia diante o Jardim Alegria, em São José dos Pinhais, às 15h30. No mesmo horário, o time do Boqueirão jogará a primeira rodada em casa, diante a equipe de Campo Largo, Fanático. Confira a tabela completa: http://goo.gl/p4tQXA. 

A capital paranaense está com o jejum de cinco anos sem levantar o caneco da Taça Paraná, pois a última vez que este fato aconteceu foi em 2009 com a equipe do Urano. Nos últimos dez anos, quem levou o certame foram, a equipe do Bandeirantes (2014), Internacional (2011-2013), São Manoel (2010 e 2008), Urano (2009), Loadense (2007), Trieste (2006) e Combate Barreirinha (2005). 

__________________________________________
É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
desde que citada a fonte.