A 25ª edição da Copa do Brasil é a grande oportunidade de reverter a situação no cenário nacional para três equipes do PR


A terceira semana de março será de Copa de Brasil para três equipes paranaenses, uma do norte e duas da capital. A competição ainda conta com o Coritiba, que empatou em 2 a 2 na semana passada diante o CENE do Mato Grosso do Sul, em Campo Grande. Há também a possibilidade de outro clube paranaense estar figurando na Copa do Brasil futuramente, o Atlético. Mas isto só acontecerá caso o Furacão tenha sido eliminado da Libertadores. Assim, o clube rubro negre cairá direto nas oitavas de final.

Por Rafael Buiar

A Copa do Brasil é o tiro mais curto para disputar a taça Libertadores da América, que é cobiçada por qualquer clube do continente da América do sul. Por isso, não é diferente para os clubes paranaenses. Nas últimas três edições do torneio, o futebol paranaense fez bonito, quer dizer, quase, já que o Coritiba (2011-2012) e Atlético (2013) ficaram com o vice-campeonato. O mau êxito da dupla Atletiba aconteceu com três equipes do eixo Rio-São Paulo, primeiro com Vasco, depois com Palmeiras e por último, o Flamengo. Diferente disso, outras equipes do Paraná querem ganhar destaque na competição neste ano, caso de Londrina, JMalucelli e Paraná Clube que estão novamente no pareô.

Foto: Cruzeiro do Vale
  • Confira os adversários das equipes paranaenses que jogarão neste meio de semana:
Londrina: A equipe do norte do Paraná irá desafiar o Criciúma de Santa Catarina, que tem em seu elenco figuras já conhecidas no futebol paranaense, como o maestro Paulo Baier, o lateral/zagueiro Escudero e o treinador Caio Jr., que recentemente assumiu o comando do Tigre. O confronto entre as duas equipes já aconteceram oito vezes e o time catarinense leva vantagem com quatro vitórias, enquanto o Tubarão sapecou três vezes e  teve apenas um empate. Mas o primeiro confronto é em casa, no Estádio do Café, fato que só aconteceu duas vezes das oito já disputadas, com uma vitória para cada lado. E a única vitória do Londrina em casa em cima do Tigre catarinense foi em 1983, no placar de 2 a 0.

Porém, a última partição do Tubarão na competição é nada inspirador para 2014, pois a equipe paranaense perdeu para o Uberaba de Minas Gerais, em 2010. Ano que a equipe não jogou em Londrina e seu mando de campo foi em Paranavaí, já que o Estádio do Café não estava com os laudos em dia. O Londrina foi derrotado pelo Uberaba por 2 a 0, dando adeus à Copa do Brasil. Com um gol em cada tempo os mineiros passaram para a segunda fase.



JMalucelli: Já o ‘intruso da capital’ irá desafiar o time do Vitória, depois de ficar ausente por quatro anos da competição. O confronto com o time baiano nunca ocorreu em toda a história.  Na última vez que pintou na Copa do Brasil, a 'quarta potência da capital' chegou as oitavas de final diante o Vasco da Gama e perdeu nos dois confrontos disputadíssimos. No entanto, nesta época o caçula tinha o nome de Corinthians-PR, resultado de uma parceria com o clube da paulista. o primeiro duelo foi em Curitiba, na Vila Capanema, em que foi derrotado por 1 a 0, com um belo gol de falta do conhecido, Léo Gago. Na partida de volta, a equipe paranaense esteve próxima de conquistar a vaga, pois até os 42' do segundo tempo estava empatando, já que Carlos Alberto acabou com o sonho do time do Barigui. Motivado também pela boa campanha do Paranaense 2014, o time de Curitiba quer surpreender o time baiano do treinador Ney Franco. 



Paraná Clube: O Tricolor da Vila Capanema, o terceiro time do Paraná que mais venceu na Copa do Brasil, novamente irá desafiar o São Bernardo, do interior paulista. Grande oportunidade para revanche após um ano, pois no ano passado, o confronto na Vila Capanema não terminou com resultado positivo, já que o placar ficou em 3 a 2 para time de São Paulo. Na partida de volta, em que a maioria esperava a recuperação da equipe paranaense, ocorreu empate de 1 a 1, resultado que decretou a eliminação do Paraná Clube na competição. Ano novo, time totalmente diferente em relação ao ano passado, ainda mais, quando o elenco paranista está motivado no Campeonato Paranaense após vencer duas vezes seguida o rival Atlético.


__________________________________________
É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
desde que citada a fonte.