A saudade foi embora, né Keirrison?


A vitória do Coritiba de ontem (20), no Estádio Couto Pereira não foi só da redenção do time Alviverde na competição, em que venceu o campeão virtual do Campeonato Brasileiro de 2013 e distanciou um pouco da ZR, foi também do atacante “revelado” pelo Coxa, o menino Keirrison.

Por Rafael Buiar

Sim, claro que é cedo pra falar que o seu bom futebol está voltando. Mas veja bem, foram 746 dias sem fazer gols, em que teve várias lesões, consequentemente cirurgias e a reserva. Nada mais sincero que as lágrimas para demonstrar este sentimento, esta tensão (desconfiança) que rondou todo este tempo. Com certeza era inevitável o choro. Imagino que diversos momentos passaram na cabeça do atleta, como um filme do período em que teve diversas passagens em clubes, tanto no Brasil quanto no estrangeiro, e vendo que o seu futebol não vingava. Assim, o artilheiro do campeonato brasileiro de 2008, decidiu recomeçar  no time do Alto da Glória. Para brilhar novamente? Bom, só o tempo dirá.

FOTO: (Giuliano Gomes/Folhapress)
O gol diante a equipe do Cruzeiro irá dar mais confiança ao guri e claro, mais opção ao novo treinador do Coritiba, Péricles Chamusca. O momento é esse e em boa hora, já que o K19 é a melhor opção tecnicamente e clinicamente dentre os avançados do plantel do Coritiba, deixando pra trás Deivid, Bill, Jânio e até o esforçado Julio Cesar.

Confesso que a torcida do Coritiba já acreditava e ainda acredita no seu potencial, é só ver a comemoração do grito de gol nas arquibancas depois da cabeçada do garoto de 24 anos. Não tinha momento melhor para marcar o gol, pois ajudou a conquistar os três pontos e resgatar o sua auto-estima no futebol. Keirrison, fique tranquilo, a torcida te apoia. 

Nada mais justo que o atacante entrar como titular na próxima na partida, pois será uma premiação ao um gol tão importante para ambos, instituição e atleta. Provavelmente k19 ganhará uma chance na Sul-Americana, já que o Coritiba viaja com o time misto para a Colômbia. O duelo contra o Itagüi será na quinta-feira, às 23h (de Brasília).

Relembre os velhos tempos com a música que foi feita em homenagem ao atacante em 2008:


___________________________________________
É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
desde que citada a fonte.