A Copa do Brasil dos paranaenses: Os 10 jogos inesquecíveis

O blog ‘Do rico ao pobre’ selecionou cinco temas referentes aos representantes do estado do Paraná no torneio nacional, para as próximas semanas. O primeiro tema: uma seleção de 10 jogos inesquecíveis.

#ESPECIAL

Logo oficial da competição
A Copa do Brasil de 2013 teve início no dia 27 de fevereiro, com o duelo da Fase preliminar de Atlético-AC e Desportiva Ferroviária, na Arena da Floresta, no Acre. Após o confronto dos times da região do Acre e Espírito Santo, a competição retomou a todo vapor com 11 duelos, nos dias 3 e 4 de abril, o restante prosseguiu na semana seguinte. Conforme dito no blog em sete de junho de 2012, o torneio de mata-mata. A principal mudança foi o aumento de clubes, o período da competição - de abril a novembro, e novamente a inclusão de clubes que participam da Copa Libertadores da América. 

Como em 2008 e 2010, o ano de 2013 terá cinco representantes paranaenses. Dentre eles, quatro já jogaram. Atlético, Arapongas e Cianorte venceram seus adversários logo na estreia da competição contra Brasil de Pelotas, São Caetano e Barueri, respectivamente. Já o Paraná Clube empatou com o São Bernardo e o Coritiba jogará semanas depois contra o Souza da Paraíba.

HistóricoA competição de mata-mata teve início no final da década de 80 com dois times paranaenses, o extinto Pinheiros e o Atlético. Os dois clubes não obtiveram sucesso na competição, pois ambos foram eliminados na primeira fase, pelos times Mixto e Náutico, respectivamente. O mal desempenho se repetiu mais uma vez em 1994, quando o Paraná Clube, único representante do estado, foi eliminado pelo Internacional. Já o ápice de um time das terras das aurárias aconteceu nos últimos dois anos, com a equipe do Coritiba, pois o time da capital chegou duas vezes ao vice-campeonato da competição, perdendo para o Vasco da Gama (2011) e Palmeiras (2012).

Time do Coritiba bate pela segunda vez consecutiva na trave. Desta vez, a equipe da capital parananese perdeu o título para o palmeiras.
Com a 25ª edição do torneio já iniciada, a competição teve  clubes paranaenses como: Coritiba (19), Atlético (17), Paraná (16), Londrina (6),Malutron / J.Malucelli/ Corinthians-PR (3), Iraty (3), Paranavaí (2), Cianorte (2), Operário (1), Arapongas (1), Prudentópolis (1), Adap (1), Rio Branco (1), Roma (1) e dos extintos União Bandeirante e Pinheiros (1). No total, foram 305 partidas dos 16 times que participaram na Copa do Brasil. Devido a isso, o blog ‘Do rico ao pobre’ selecionou cinco temas referentes aos representantes do estado do Paraná no torneio nacional, para as próximas semanas. O primeiro tema, será tratado ainda neste post: uma seleção de 10 jogos inesquecíveis.


Os 10 jogos inesquecíveis dos times paranaenses na Copa do Brasil 

10º - Coritiba 3 x 0 Botafogo [18/04/1991] 
O Coritiba conquistou uma boa vitória em cima do Botafogo (3 a 0), no Couto Pereira, valendo pela Fase Quartas de Final da Copa do Brasil 1991. O placar foi construído por Chicão, Ronaldo e Pedrinho Maradona. Expulsões: Cattani (Coritiba) e Pichetti e André (Botafogo).  Resultado que ajudou o time da capital paranaense a classificar-se para a semi-final, contra o Grêmio.


9º Internacional 0 x 1 Londrina [23/04/1993]
O Londrina venceu o Internacional com placar de 1 a 0, no Beira Rio, no segundo jogo das Oitavas de Final da Copa do Brasil 1993. A vitória veio de um gol de Aléssio. Resultado que garantiu o time do norte do Paraná para as quartas de final contra o Flamengo.




8º Vasco 4 x 3  Atlético [10/04/1997]
O Vasco venceu a disputa contra o Atlético-PR por 4 a 3, no São Januário, na Fase Oitavas de Final da Copa do Brasil 1997. Os artilheiros do jogo foram: Pedrinho, Alex Pinho, Tinho e Juninho Pernambucano, no Vasco, e Paulo Rink (2) e Clébertong, no Atlético-PR. Felipe (Vasco) foi para o chuveiro mais cedo. Porém, a derrota não tirou o time paranaense para fase seguinte, já que no primeiro confronto, o Furacão venceu no placar de 3 a 1.  



7º Londrina 1 x 0 Cruzeiro [27/02/2002]
A equipe do Londrina venceu o Cruzeiro por 1 a 0, no Café, no primeiro confronto da 2ª Fase da Copa do Brasil 2002. O gol da vitória foi marcado pelo angolano Johnson. Cris e Ruy (Cruzeiro) foram expulsos e deixaram o time em inferioridade numérica. Vantagem que não suficiente para garantir a vaga nas oitavas de final, pois no segundo jogo, o time mineiro venceu por 2 a 0 a equipe do Tubarão. 


6º Cianorte 3 x 0 Corinthians [09/03/2005]
O Cianorte bateu facilmente o Corinthians por 3 a 0, no Willie Davids, valendo pelo primeiro confronto da 2ª Fase da Copa do Brasil, em 2005. O placar foi construído por Edson e Márcio Machado (2). O árbitro expulsou Anderson (Corinthians).  Quando todos pensaram em uma eliminação do time paulista, o segundo confronto aconteceu com um tom de "revanche" na cidade cinza. Devido a isso, o Timão venceu no placar de 5 a 1, no Estádio Pacaembu, em São Paulo.


5º Atlético 5 x 0 Bahia [ 20/04/2011]
O Atlético-PR aplicou uma goleada sobre o Bahia (5 a 0), no Arena da Baixada, na Fase Oitavas de final da Copa do Brasil 2011. Depois de empatar   em 1 a 1, em Pituaçu. Com este resultado, o Atlético-PR chegou à 4ª partida sem perder em confrontos contra o rival na Copa do Brasil. 

4º Coritiba 2 x 0 São Paulo [ 20/06/2012]
Ano passado, o Coritiba bateu o São Paulo pelo placar de 2 a 0, no Couto Pereira, valendo pela Fase Semifinal da Copa do Brasil 2012. Os gols foram de Emerson e Everton Ribeiro. Resultado que foi superior ao primeiro confronto, em que o Tricolor Paulista venceu por um gol a zero.




3º Paraná 6 x 1 Cerâmica-RS - [10/02/2010]
Depois de empatar no Rio Grande do Sul, o Paraná goleou o Cerâmica com placar de 6 a 1, no Durival de Britto, pela 1ª fase da Copa do Brasil 2010. Com isso, a equipe paranaense avançou para a fase seguinte desafiar o time pernambucano  o Sport.           



2º Atlético 5 x 1 Cricíuma - 2º Fase [12/04/2012]
O Atlético-PR venceu com facilidade o Criciúma (5 a 1), no Durival de Britto, na Segunda fase da Copa do Brasil 2012. Goleada que motivou a equipe para a sequência da competição.


1º Coritiba 6 x 0 Palmeiras - Quartas de final [ 05/05/2011]
O Coritiba bateu facilmente o Palmeiras (6 a 0), no Couto Pereira, na Fase Quartas de final da Copa do Brasil 2011. Os gols foram feitos por Davi, Anderson Aquino, Léo Gago, Emerson, Bill e Geraldo. Rivaldo (Palmeiras) foi expulso de campo. O Palmeiras completou seu 100º jogo pela Copa do Brasil. Resultado que impulsionou a equipe paranaense a final da competição daquele ano

É bom lembrar que selecionei apenas 10 jogos. Claro que não esqueci das duas vitórias do Paraná Clube em 1995 diante o Internacional de Porto Alegre, ou da vitória do Atlético diante o Santos, no antigo Joaquim Américo em 1996. Ainda há o empate de 4 a 4 do Londrina com o Goiás, em 2002, no Estádio do Café, e outros confrontos que estão na memória do torcedor paranaense. São mais de 300 jogos dos clubes de nosso estado na história da competição! Se você esteve presente em algum, comente e compartilhe a sua opinião: qual jogo foi o mais inesquecível na Copa do Brasil?


__________________________________________
É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
desde que citada a fonte.