Clássico Arapuca é dividido por duas fases, hoje entre Arapongas e Roma-PR

As cidades de Arapongas e Apucarana estão localizadas no centro-norte do Paraná e têm pouco mais de cem mil habitantes cada uma. Com 17 km de distância entre elas, o futebol faz com que os municípios convivam com a rivalidade esportiva.

#CLÁSSICOS DO PARANÁ
Por Rafael Buiar

A rivalidade entre o clássico 'Arapuca' tem duas fases. A primeira é que, entre 1976 até 1991, o duelo foi disputado pelo time do Arapongas Esporte Clube (Time fundando em 1974) e o Apucarana Atlético Clube (ACC) - Time que foi fundando em 1975 e que encerrou sua participação no futebol em 1996. Neste período de 15 anos, os clubes se enfrentaram 15 vezes, com o ACC em vantagem nos números, somando sete vitórias, três derrotas e cinco empates.

O primeiro encontro desta rivalidade entre os times do norte do Paraná aconteceu no ano de 1976, no estádio Bom Jesus Da Lapa (atual casa do Roma-PR). O jogo terminou empatado. O time de Apucarana saiu na frente, com o gol de Zé Roberto, Já o Arapongão empatou com o Zé Miguel. Desde então, iniciou-se uma rivalidade nas cidades vizinhas.

A segunda fase do clássico tem o início a partir do ano 1999, pois o futebol apucaranense foi enfraquecido por dívidas e problemas gerenciaisdurante alguns anos. No entanto, fundado em 6 de dezembro de 2000,  na cidade do norte do Paraná, time do Roma Apucarana se torna o principal rival do Arapongas Esporte Clube. Porém, só se instalou no estado paranaense após competir a Copa São Paulo de Futebol Júnior. Por isso, seu nome antes era Roma Esporte Barueri.

Com tudo isso, o nome transferiu-se para Roma Apucarana, pouco depois de disputar o campeonato de juniores em São Paulo. Assim, começou a treinar na cidade do norte do Estado do Paraná. E, em sua primeira competição,  já desafiou o rival Arapongas na terceira divisão do futebol paranaenseiniciando a fase dois do clássico 'Arapuca'. Após isso, ambas as equipes foram convidadas pela Federação Paranaense de Futebol (FPF) a disputar a segundona (hoje, a Divisão de Acesso).  

CLÁSSICO ARAPUCA DE HOJE
No entanto, o futebol de hoje de ambas as equipes é bem diferente, usando como exemplo a temporada deste ano (2012). Tendo uma vantagem a representação do Arapongas  E.C, que, com uma boa classificação no estadual (3ª colocação), garantiu sua primeira disputa no Campeonato Brasileiro da Série D de 2012. Já a equipe do Roma sofreu o descenso e terá que disputar a Divisão de Acesso em 2013. Abaixo, o gol do último confronto (29/02/12), em que o Arapongas Esporte Clube venceu no placar mínimo a equipe de Apucarana, no estádio Bom Jesus da Lapa. Assim, este é um ano péssimo para a equipe do Roma-PR, que ficou na penúltima colocação do Campeonato Paranaense de 2012.
  


O humor deixando a sua marca no clássico Arapuca
Atualmente, o duelo não é marcado por grandes jogos e sim pelo show a parte das torcidas. Ambas criaram "bordões" para animar e movimentar a cidade quando tem o confronto marcado. A provocação dos torcedores de uma a outra é de forma sadia. Nos gritos de: “Ei, Mané, vai fazer boné”, pelo lado do Arapongas direcionado ao time rival, em razão da cidade de Apucarana ser conhecida como a capital do bonéRespondendo, os torcedores do Roma (Apucarana) fazem os gritos de: “Ei, otário, vai fazer armário”. Novamente uma relação com o pólo forte da cidade, no caso da cidade de Arapongas, é o setor moveleiro, o segundo maior do país. O vídeo abaixo demonstra como é a reação das torcidas no clássico Arapuca de Hoje.



__________________________________________
É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
desde que citada a fonte.