Com que roupa eu vou?


Atual campeão, Atlético chega ao Estadual com o pensamento dividido entre a disputa da Copa Libertadores e deixa a torcida apreensiva para saber qual escrete atuará no Paranaense 2017

#PARANAENSE 2017
Por Gabriel Sawaf

O Atlético chega motivado para a temporada de 2017. Após sete anos, o Furacão conquistou o caneco estadual diante do seu arquirrival. Para completar, o time do rubro negro irá disputar a Libertadores pela quinta vez. Na teoria, pelos resultados do ano passado, o Rubro Negro seria amplamente o favorito para a conquista do título paranaense deste ano, mas a competição continental coloca isto em cheque. A diretoria do Furacão já deixou claro que a equipe que disputará o estadual será um time mais alternativo. A revelação fez com que muitos torcedores se recordassem da época do time Sub 23, que disputou o Paranaense em 2013, 2014 e em parte de 2015, revelando alguns jogadores que conseguiram destaque no time principal, como Hernani e Léo.

Para a nova temporada, o Furacão trouxe reforços pontuais para o elenco. O primeiro foi o atacante Grafite, anunciado logo após o término do Brasileiro. Depois foram anunciados o lateral direito Jonathan e o meia Felipe Gedoz. Por fim chegaram o atacante Luis Henrique e o meia Carlos Alberto. Na preparação para a temporada, o Atlético teve dois confrontos. O primeiro foi um jogo-treino contra o Prudentópolis, realizado no CT do Caju no dia 21, com vitória rubro negra por 2 a 1, com gols dos meninos Yago e Murillo, que devem ser figurinhas frequentes no elenco do estadual. O segundo desafio será o amistoso contra o Peñarol, 25 de janeiro na Arena da Baixada.


Time base: Weverton, Léo (Jonathan), Thiago Heleno, Paulo André e Nicolas (Sidcley); Otavio, Lucho Gonzalez, Felipe Gedoz, Nikão e Pablo; Grafite.

Técnico: Paulo Autori - Atual campeão estadual, Autori chegou no final da competição e deu um ânimo a mais pro Furacão. O treinador se encantou com o modelo de fazer futebol do clube e vem apresentando bons resultados no comando do escrete atleticano.

Craque: Grafite - Com experiência e potencial de matador, Grafite chega para ser o homem gol do Furacão na temporada. O centroavante de 37 anos traz na bagagem uma Copa do Mundo disputada e uma Bundesliga conquistada, que podem ajudar o Furacão no Paranaense e durante as outras competições da temporada.
__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO